Selfie com vítima de acidente de trem choca italianos

A imagem acima, feita pelo repórter fotográfico Giorgio Lambri, mostra um acidente de trem em Piacenza, no norte da Itália, em que uma mulher, uma canadense, foi atropelada e está sendo atendida por uma equipe de resgate. Ferida gravemente, ela infelizmente teve a perna amputada no hospital, mas sobreviveu.

A imagem mostra o acidente terrível, mas algo mais. “Perdemos completamente o nosso senso ético”, comentou o fotógrafo sobre a imagem que tinha acabado de fazer. No canto, um homem aparece tirando uma selfie com a acidentada, aparentemente fazendo um “v de vitória”, como notou o jornal Corriere della Sera.

A selfie provocou uma série de críticas na imprensa italiana e nas redes sociais do país. Ainda bem, aliás, que a gente ainda fica chocado com esse cúmulo da falta de empatia e respeito. O La Stampa citou a atitude como um “câncer que corrói a internet”. O famoso radialista Nicola Savino viu como um indício de que a humanidade estava “caminhando em direção à extinção”, informa a BBC.

O próprio repórter fotográfico que flagrou a selfie foi convidado pelo jornal Liberta para escrever sobre o caso. Usou o título “A barbárie que você não espera: a ‘selfie’ em frente a uma tragédia”. Foi Lambri quem alertou as autoridades sobre a selfie, e o homem foi abordado na hora e obrigado a apagar a fotografia.