Traficantes usam pasta de cocaína para construir imagens de Nossa Senhora

Não que justifique – longe disso, aliás -, mas qualquer proibição estimula a criatividade. Não pode, neste caso específico, traficar cocaína. Não pode, e quem trafica tenta esconder a droga entre o ponto A e o ponto B.

Na cidade de Campoalegre, do departamento de Huila, na Colômbia, a Polícia Nacional descobriu que os traficantes desistiram de esconder pasta base de cocaína dentro de imagens sacras para, desta vez, construir as imagens sacras com pasta base de cocaína, como se fosse massa de modelar.

Foram contabilizados 12 quilos da droga no formato de quatro imagens de Nossa Senhora. As imagens seguiriam para Bogotá e, de lá, para um país da Europa não identificado pela reportagem do jornal El Colombiano.

Sugestão do leitor Luis Betancur