Por causa da violência, Correios anunciam taxa extra para entregas no Rio

Os Correios, aquela estatal maravilhosa que presta um serviço sensacional para o povo brasileiro, anunciaram ontem, terça-feira, dia 27, a criação de uma taxa extra para entregar encomendas na cidade do Rio de Janeiro. O motivo é a violência, que teria causado “altíssimo impacto” na entrega de mercadorias. O valor da cobrança é de R$ 3.

Ainda segundo o anúncio, com informações do jornal Extra, a tarifa emergencial de risco é para cobrir os custos “de manutenção da integridade dos empregados, das encomendas e até das unidades dos Correios”. A nota dos Correios veio horas depois do anúncio das primeiras medidas do Exército na intervenção na Segurança Pública da cidade. Que belo momento, não é mesmo? A cobrança poderá ser suspensa a qualquer momento, quando a situação da violência na cidade for controlada, informa o jornal.

Sabe desde quando a situação da violência no Rio está fora de controle? Pelo menos desde a década de 80, com a popularização dos fuzis nas regiões dominadas pelo tráfico de drogas. Agora você vê… Os Correios são uma empresa pública. A Segurança Pública… bem, o nome já diz. E quem paga a conta? Você do Rio de Janeiro, é claro. Sofre com a violência todos os dias e ainda precisa que paguem mais dinheiro para você receber suas encomendas. Estamos todos de parabéns.