Polícia de SP prende quatro por venda de ‘brisadeiros’, brigadeiros que dão b… você sabe

Um dos aspectos mais devastadores da maconha, essa planta que destrói famílias diariamente, é a… larica (nem o corretor automático sublinha mais a palavra de vermelho, que absurdo). O que é a larica? Nada mais do que uma fome incontrolável que vem após o consumo.

Por conta dessa característica horrorosa da erva do demônio, praticamente travestida de biotônico fontoura, (ok, acho que já está bom de ironia, acabou, prometo), usuários de maconha criaram meios de consumir a droga já com a “larica” incluída, em brownies, cookies, brigadeiros e outros doces com chocolate.

Não demorou até que o tráfico também oferecesse seu produto disfarçado de doce, e isso, diga-se, já acontece há décadas. Por uma denúncia anônima, policiais foram até a rua Peixoto Gomide, no Jardim Paulista, em São Paulo, para flagrar os vendedores dos “brisadeiros”, brigadeiros que dão “brisa”, feitos com maconha. Quatro foram presos.

Com eles, foram encontrados também duas porções de cocaína e nove de maconha (normal, sem chocolate). O grupo usava até uma maquininha de cartão para receber o pagamento. Cada brigadeiro com larica embutida custava R$ 5, o que é um preço absurdo para um brigadeiro, diga-se de passagem.

Também foram apreendidos R$ 49 em espécie (alguém teve um desconto aí…). O caso foi registrado como tráfico de drogas no 78º Distrito Policial (Jardins), informa o Estadão, e as ruas de São Paulo estão mais seguras depois dos 49 brigadeiros apreendidos (desculpa, não resisti).