Deputado detento é punido por tentar entrar na cadeia com queijo e biscoito na cueca

A cueca é realmente uma constante na vida dos políticos. Alguns tentam colocar dinheiro na cueca, literalmente, outros são pegos com batom na cueca, numa bela metáfora (nem sempre). Agora entramos na era do queijo com biscoito na cueca. E o responsável é nosso querido deputado detento Celso Jacob, que já passou por aqui por isso, por isso e por isso. É praticamente o muso do Surrealista.

Sua história é basicamente esta: Jacob é deputado federal pelo PMDB do Rio de Janeiro- De onde mais? – e é o único da casa que precisa trabalhar na Câmara de dia e dormir no presídio da Papuda, em Brasília, onde cumpre pena em regime semiaberto. Numa dessas voltas pra “casa”, porém, foi flagrado tentando entrar na Papuda com pacotes de biscoito e queijo provolone dentro da cueca.

Leia também  Imagem de Nossa Senhora amanhece vestida de Batman

Biscoito e queijo provolone na cueca.

Pronto. Dedicado um parágrafo inteiro para esta frase – ela merece – podemos dizer que ele foi punido e levado para o isolamento, onde ficará por sete dias. Segundo O Globo, a Subsecretaria do Sistema Penitenciário (Sesipe) informou em nota que os alimentos na cueca foram identificados no processo de revista. A punição, ainda de acordo com a Sesipe, pode chegar a 30 dias de isolamento e perda de benefícios.