PMs usam algemas para evitar roubo das bicicletas da corporação no ES

Em nenhuma grande cidade brasileira é recomendável dar mole com uma bicicleta na rua. Se nem montado numa bicicleta estamos a salvo de perdê-la, quando mais deixando-a ao léu, encostada sem uma corrente ou tranca… E se você for um policial, com uma bicicleta da polícia, teria que se preocupar? A resposta é “Sim”.

Os policiais militares que fazem patrulha em bicicletas na cidade de Cariacica, no Espírito Santo, a chamada “bike patrulha”, também estão preocupados com a segurança das “magrelas”. E, aparentemente, o estado não fornece correntes, cadeados e trancas. Ou eles, como nós, desistiram de confiar na segurança desses métodos.

Leia também  Homens são presos em lanchonete do Rio por rechear salgados com ração de cachorro

Como garantir que as bicicletas ficarão seguras durante o intervalo para o almoço, por exemplo? Um leitor do site Folha Vitória enviou uma foto que mostra a solução. Algemas. Deve estar faltando bandido em Cariacica. E a Secretaria de Segurança Pública confirmou, em nota, o ocorrido, durante o almoço de dois PMs no Terminal Rodoviário da cidade.

Só não explicaram o motivo de não fornecerem correntes, cadeados ou trancas para as bicicletas da corporação.

Sugestão da leitora Jeane Fernandes