Bandidos trocam tiros em disputa sobre quem assaltaria um ônibus

Imagina que chato você entrar num ônibus para assaltar e, de repente, outras pessoas anunciam o assalto antes de você? Quer dizer… Não imaginem isso não, é errado. Mas… Imagina só… Que chato, né?

Foi exatamente o que aconteceu com um homem chamado Marcelo Santana, de 23 anos, em Manaus, no Amazonas. Ele entrou armado com um revólver no ônibus 640 da empresa Eucatur com a intenção de assaltar, mas acabou surpreendido por outra quadrilha que teve a mesma ideia. Tinham facas e uma espingarda caseira.

A outra quadrilha, além de ter maioria numérica – dois homens e uma mulher – foi mais rápida que Marcelo. Renderam o motorista do veículo e obrigaram-no a mudar de rota. Depois, roubaram os pertences dos passageiros e o dinheiro do caixa. Quando chegou a vez de roubar Marcelo, este sacou a arma e tentou atirar nos concorrentes.

Leia também  Presos usam 'Photoshop' no celular para fingir que estão na balada

Acabou se dando mal. Os “colegas de profissão” roubaram seu revólver e usaram-no para atingi-lo. Acabou atendido por uma ambulância e preso. “Quando ele foi questionado por que estava armado ele informou que também planejava roubar o ônibus”, informou um policial ouvido pelo site Em Tempo. A quadrilha que teve sucesso no assalto conseguiu fugir.

Sugestão do leitor Sidney Silva