Homem se veste de ninja para atacar palhaços Danoninho e Tarantela no RS

Onde mais você poderia ler títulos como esse e ter certeza de que se trata de um caso real? A gente também adora. Mas apesar de envolver palhaços e uma fantasia de ninja, esta não é uma história engraçada. Em Osório, no Rio Grande do Sul, um homem foi preso no último fim de semana por ter se vestido de ninja, empunhado uma espada ninja (enferrujada e sem fio) e atacado dois palhaços com nomes artísticos de Danoninho (Luiz Felipe Ávila) e Tarantela (Rovani Brandão).

Danoninho e Tarantela estavam fazendo uma promoção em frente a uma loja no centro da cidade quando foram surpreendidos. “O rapaz chegou, vestido de ninja e com uma espada, e daí ele puxou a perna de pau do meu colega, palhaço Danoninho, derrubou o meu equipamento de som, que quebrou e caiu em cima do meu carro, e colocou a espada no pescoço do meu colega”, afirmou Tarantela ao G1. Danoninho quebrou o punho ao cair da perna de pau.

O “ninja” conseguiu fugir, mas houve repercussão nas redes sociais e a mãe do rapaz levou-o a delegacia para prestar esclarecimentos. O delegado do caso, João Henrique Gomes de Almeida, afirmou que o autor do ataque tem uma doença mental diagnosticada e vai responder em liberdade por lesão corporal. “A mãe desse rapaz procurou a delegacia e fez a apresentação dele. Foi apreendido o artefato e depois ele foi liberado”, disse o delegado.

Sugestão do leitor Yago Lins