Deputado tatua ‘Temer’ no ombro e promete exibir ‘corpo belíssimo’ em votação

O amor está no ar em Brasília. Wladimir Costa, deputado federal pelo Pará, surpreendeu a todos ao revelar sua nova tatuagem no ombro direito: simplesmente “Temer” e a bandeira do Brasil. E jura que é permanente, informa o Estadão. “Paraense não é de se arrepender”, disse ao jornal.

O mimo em homenagem ao presidente Michel Temer custou R$ 1,2 mil e foi dividida em seis vezes no cartão de crédito. Mas… Por que “Temer”? “Cada um com suas paixões. Não tem gente que tatua Che Guevara, Fidel Castro, o presidente da Coreia? Todos falsos socialistas usando Rolex? (…) Sou admirador nato, sou amigo dele há quase 16 anos. Nesse momento, que tentam derrubar ele a qualquer custo, é minha forma de mostrar que parceiro que é parceiro derrama até a última gota de sangue”, disse. Lindo, né?

Leia também  Presos usam 'Photoshop' no celular para fingir que estão na balada

Na próxima quarta-feira, dia 2, está prevista a votação sobre a denúncia de corrupção contra o presidente, e Wladimir já pretende usar a ocasião para exibir sua tatuagem novamente, logo depois de seu voto de apoio a Temer. “Até porque eu tenho um corpo belíssimo”, afirmou. Há controvérsias.