Funcionário de lanchonete é acusado de tentar matar patrão colocando prego em sanduíche

O Acre é um lugar surreal. E é claro que a gente adora. Em Cruzeiro do Sul, por exemplo, cidade acreana, o chapeiro de uma lanchonete foi detido e levado à penitenciária acusado de tentar matar seu patrão com um prego dentro de um sanduíche. Um tiro? Uma facada? Empurrar na frente de um caminhão? Nada disso… Aqui é o Acre!

O delegado responsável pela investigação, Alexnaldo Batista, acredita em tentativa de homicídio. E explicou ao site AC24Horas o passo a passo das investigações. “A vítima nos informou que ao solicitar um sanduíche para o seu funcionário, ele colocou um prego na intenção de cometer um homicídio em relação a esse patrão”, disse Batista.

O acusado, de 31 anos, nega ter tentado matar o patrão com um prego. O delegado, porém, parece convicto. Disse que “todas as evidências”, inclusive com testemunhas já ouvidas, indicam que o acusado “já vinha dando alguns problemas neste trabalho”. Após a denúncia do patrão, ele foi levado diretamente à Penitenciária de Cruzeiro do Sul, informa o site.

Sugestão do leitor Márcio Costa