Funcionário de cemitério jura ter sido agredido por morto

Valhamedeusnossinhora! Um funcionário do cemitério Santo Antônio de Pádua, no bairro de Boa Vista, em São Carlos, São Paulo, chamou a Polícia Militar alegando que tinha sido “agredido por um morto”, informa o São Carlos Agora. Segundo o jornal, a vítima estava supostamente embriagada e foi atendida por paramédicos pois estava com um corte de 7 centímetros na cabeça.

A ferida principal teria sido causada por uma paulada na cabeça, mas o funcionário do cemitério ainda apresentava arranhões pelo corpo. O “morto” não foi encontrado andando por aí, e a Polícia Civil acabou sem muitas pistas do que aconteceu. Se mora em São Carlos ou está passando por aí… Cuidado!

Sugestão da leitora Denise Nakabayashi