Prisão alimenta detentos com lanches do McDonald’s

Uma unidade prisional da cidade de Bergisch Gladbach, na Alemanha, arrumou uma solução pouco ortodoxa para alimentar os presos depois que a empresa que prestava o serviço cancelou a distribuição de refeições. Fizeram o que qualquer um faz na hora do desespero: foram no McDonald’s. Desde o início de março, os presos têm o direito a escolher entre hambúrguer, cheeseburguer ou sanduíche vegetariano para o almoço. Com acompanhamentos. Só não pode passar de 4 euros por pessoa. 

Um guarda da cadeia recolhe os pedidos, anda 160 metros até o McDonald’s e faz a encomenda. “A localização e o atendimento 24 horas fez com que decidíssemos pelo McDonalds”, disse Richard Barz, porta-voz da polícia, segundo o G1. Mas a solução é provisória, já que, segundo a prefeitura, a lanchonete não cumpriria os requisitos legais para fornecer a alimentação da cadeia.