Livro de Alexandre de Moraes tem trechos copiados de livro espanhol

O livro “Direitos Humanos Fundamentais”, do ex-ministro da Justiça e (talvez) futuro ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, tem trechos plagiados de outro livro, “Derechos Fundamentales y Principios Constitucionales”, do jurista espanhol Francisco Rubio Llorente. Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, o livro de Moraes foi publicado em 1997, enquanto o espanhol é de 1995.

O livro de Llorente é citado genericamente entre dezenas de outros na bibliografia do livro de Moraes, mas nunca é identificado como fonte de citação no texto. Nas passagens que tratam de assuntos como dignidade humana e princípios de igualdade, parágrafos inteiros são simplesmente traduzidos do livro espanhol. Questionado pelo jornal, o provável futuro ministro do STF afirmou em nota que “todas as citações do livro constam da bibliografia anexa à publicação”, mas não quis entrar em detalhes.