Traficante emagrece para tirar tornozeleira eletrônica e volta à lida

Uma mulher foi presa pela Polícia Militar com 2,5 quilos de maconha e uma balança de precisão no bairro Colinas do Sul, em João Pessoa, na Paraíba. Tudo normal, não é? Polícia fazendo seu trabalho, traficante fazendo seu trabalho… A diferença é que Josiane da Silva Cardozo, de 24 anos, a traficante em questão, deveria estar em casa com uma tornozeleira eletrônica em vez de na rua ou no “escritório” vendendo maconha. A acusação? Venda de drogas (surpresa!).

“Ela deixava o aparelho em casa e, segundo denúncias, voltava a atuar no tráfico. Mas conseguimos prendê-la em flagrante”, afirmou o capitão Sidnei Paiva, da PM da Paraíba, ao Jornal da Paraíba. E como ela conseguiu tirar a tornozeleira? Simples: Fez um regime. Emagreceu o bastante para, com a ajuda de detergente de lavar louças, escapulir a traquitana pelo pé.