Holanda enfrenta grave crise no sistema carcerário: Faltam presos

A Holanda – os Países Baixos, na verdade, mas ninguém aqui conhece o país pelo nome certo – está sofrendo uma grave crise no sistema carcerário: Faltam presos. Nos últimos anos, 19 cadeias fecharam as portas e outras estão se preparando para fechar no ano que vem. A atual taxa de encarceramento holandesa é de 57 presos a cada 100 mil habitantes. No Brasil, por exemplo, temos atualmente 306 por 100 mil.

Uma reportagem da BBC tenta explicar o “problema” e chega à conclusão de que três medidas simples têm levado a esses números. A primeira é um investimento em reabilitação (ensino de uma profissão, por exemplo), o que diminuiu drasticamente a taxa de reincidência no crime. A segunda mudança é de foco no combate ao crime. “Eles tiraram o foco das drogas e concentraram esforços no combate ao tráfico de pessoas e ao terrorismo”, afirma a criminalista inglesa Pauline Schuyt. E, finalmente, a terceira medida: trocar encarceramento por serviços comunitários, multas e controle com tornozeleiras eletrônicas no caso de crimes mais brandos.