Homem fica 5 horas na cadeia acusado de roubar o próprio carro

Olha o perigo… Um homem de 24 anos teve seu carro, um Gol com placa de Capinzal, Santa Catarina, furtado no último dia 12 de junho. A ocorrência foi registrada pela polícia de Palmas, no Paraná. Dias depois a polícia encontrou o carro do jovem e liberou. O jovem precisou ir ao Paraná de novo buscar seu Gol. Até que ele estava dando um rolê na nave em Capinzal, sua cidade, quando policiais fazendo uma ronda verificaram a placa e descobriram que o veículo constava como roubado. O carro foi rebocado e o jovem foi preso.

Segundo depoimento do próprio no Facebook, ele ficou detido por 5 horas, mesmo tendo todos os documentos provando que ele era ele mesmo, e era, por conseguinte, dono de seu carro. É estranho ter que provar isso, mas mais estranho ainda é ter que fazer isso enquanto mofa em uma cela de delegacia. “Como a polícia não tinha dado baixa no sistema eu fiquei como bandido lá, preso sem dever e sem me darem a mínima atenção”, disse o jovem, segundo a Rádio Catarinense. O máximo que a polícia fez depois de liberá-lo foi aconselhá-lo a deixar o carro parado por uns 30, 40 dias. Por segurança.

Sugestão da leitora Alana Da Cas