Membros do PT querem que Dilma empurre posse de Temer para sexta-feira 13

Alguns membros do Partido dos Trabalhadores descobriram uma brecha que pode dar ares sombrios à provável posse de Michel Temer como presidente. Se a presidente Dilma Rousseff esperar um dia para assinar a notificação sobre a abertura do processo de impeachment, que deve ser concluída dia 12, a posse te Temer seria na sexta-feira 13, dia considerado azarento pelo mundo e que batizou uma famosa série de filmes de terror estrelada pelo assassino em série Jason. Ai, que medo!

“Ela deveria assinar um dia depois. Nada mais apropriado do que um governo golpista assumir numa sexta-feira 13”, disse o advogado Marco Aurélio de Carvalho, coordenador jurídico do PT em São Paulo, à coluna Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo. Segundo a colunista, a sugestão foi encaminhada a ministros fiéis a Dilma, mas nenhuma decisão foi tomada a respeito.